Recém Diagnosticado Tratamento

Opções de tratamento inicial 

Decidir se o tratamento é necessário, é a decisão inicial mais importante. Como já enfatizado, o teste basal, estadiamento e classificação prognóstica são essenciais. O tratamento é recomendado para o mieloma ativo ou sintomático e para a doença indo- lente que atende novos critérios de “altíssimo risco”. A urgência do tratamento depende dos problemas exatos enfrentados por um paciente individual. 

Terapia inicial ou de primeira linha 

É importante para os pacientes reservarem tempo para discutir as opções com o seu hematologista ou hematologista/oncologista. Além dos resulta- dos basais de testes, deve-se considerar inúmeras questões. 

 

Perguntas basais importantes: 

Funcionamento diário: O tratamento afetará a capacidade de realizar atividades diárias? 

Trabalho: Será necessária alguma alteração ou interrupção? 

Idade: Este é um fator na seleção do tratamento e resultados esperados? 

Efeitos colaterais do tratamento: Eles terão que grau de significância? 

Outras questões médicas: Elas afetarão as escolhas de tratamento e a tolerância ao tratamento? 

Transplante: A quimioterapia de alta dose com transplante é recomendada? 

Velocidade da resposta: Com que rapidez o tratamento terá efeito e como ele será avaliado? 

Decisões inicial e posterior: O quanto precisa ser decidido no Dia 1? 

É melhor manter as portas abertas para o trans- plante de células-tronco se você achar que é uma opção para você. O atual consenso do Grupo de Trabalho Internacional do Mieloma (IMWG) é que todos os pacientes elegíveis para o transplante devem armazenar as células-tronco para possível necessidade futura. Em geral, os pacientes que têm menos de 65 anos de idade são considerados candidatos para o transplante de células-tronco. Embora os resultados dos estudos randomizados ainda não estejam disponíveis, os estudos da França e da Itália indicam que respostas mais profundas e sobrevida livre de progressão e global mais longas ocorrem entre os pacientes que têm transplantes autólogos como uma parte planejada de sua terapia inicial para o mieloma. 

Ponto essencial: Se um tratamento não funcionar, isto não significa que outro tratamento não pode funcionar extremamente bem e possa dar uma remissão excelente. 

 

Terapia de suporte e como obtê-la 

Há tratamentos disponíveis para aliviar o impacto físico e emocional da doença. 

O uso precoce de medidas de cuidado de suporte é tão importante quanto iniciar a terapia de primeira linha. 

Além do controle de sintomas específicos, uma gama completa de medidas de suporte é muito importante: 

Atividade física: Pacientes devem verificar com seus médicos para esclarecer se a plena atividade física é viável ou se ajustes precisam ser feitos devido à doença óssea e/ou áreas particulares de dano ósseo. Geralmente, alguma atividade física pode ser planejada, como caminhada ou natação, exercícios de flexibilidade e força e/ou um pro- grama de yoga personalizado. 

Dieta: Nenhuma dieta específica foi desenvolvida para pacientes com mieloma. Esta é uma área de constante pesquisa. Em geral, as recomendações de “dieta saudável” de outros contextos de doença, como doença cardíaca e câncer em geral (por exemplo, câncer de mama) podem ser utilizadas. Cuidado deve ser praticado em duas áreas: 

Vitamina C: Altas doses ( >1000 mg/dia) podem ser contraproducentes no mieloma e aumentar o risco de dano renal. 

Fitoterápicos e suplementos vitamínicos: Converse com o seu médico ou farmacêutico do centro de oncologia sobre como usar suplementos ao mesmo tempo que a quimioterapia ou outro tratamento farmacológico. Alguns suplementos podem impedir que os tratamentos funcionem efetivamente. As interações entre medicamentos/ suplementos também pode criar sérios problemas médicos. Muitas farmácias têm sistemas que identificam possíveis interações com medicações e/ou suplementos. 

Saúde mental: A sua saúde mental é crítica, à medida que você segue adiante com o tratamento planejado. Certifique-se que esteja confortável com o plano de tratamento. Agende uma consulta com um profissional de saúde mental se acreditar que possa estar deprimido, ou se outros estiverem preocupados que você possa estar deprimido. 

Sono regular: Isto é muito importante para o seu sistema imunológico. 

Faça ajustes: À medida do possível, reduzir ou eliminar o estresse no trabalho, família ou situações sociais. Evite o contato com crianças em idade escolar. Evite multidões o máximo possível. Lave as mãos com frequência. O seu sistema imunológico está comprometido pela doença e pelos tratamentos. O controle do mieloma é a maior prioridade até a remissão e/ou situação estável ser atingida. 

Se a terapia de primeira linha não estiver funcionando 

Existem inúmeras opções de tratamento além do escopo deste manual introdutório. A emergência de novas terapias está cada vez mais disponível e pode oferecer grande benefício.